sábado, maio 22, 2010

Hoje, não é dia de ser certa. Não quero. Só quero te dizer o quanto eu te detesto agora. Você e suas manias. Você e sua falta de tato. Sempre impondo seu ponto de vista. Sempre esperando ser reconhecido, quando dá suas migalhas. Para você, é sempre uma questão de auto-afirmação. Quer que lhe elogiem, quer que lhe ouçam, quer que fiquem ao seu lado. Mas, na maioria das vezes, você merece ser duramente criticado, você merece que lhe batam a porta na cara e lhe dêem as costas, você não merece minha companhia e meu apoio.
Não sei como te dizer isso. Nunca saberei, por certo. Carente e complexado, não aguenta críticas. Destemperado e impetuoso, não ouve ninguém, por estar sempre gritando.
Diante de ti, me calo. És somente a personalização de muitos problemas.
Você, Ser Humano, erra demais para o meu gosto.



"Errar não é humano,
Depende de quem erra."

2 comentários:

  1. É o problema é que antigamente aprendiamos com nossos erros...Agora isso está "fora de moda" só errar é suficieinte!

    ResponderExcluir