quarta-feira, setembro 21, 2011

Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência

Hoje é um dia de luta. Hoje é mais um dia, pra quem luta um pouquinho todo dia. Não, não vistam em mim a roupa de herói, não pega bem. Nem a de coitadinho, porfavor. Hoje é o dia de pessoas, sujeitos de direito, que possuem algum tipo de deficiência e que estão aí pra fazer a vida acontecer.
Não quero que o post fique longo, nem vou falar aqui como é ser deficiente nesse país. Eu quero falar como eu quero que seja. Eu quero dizer que cabe a cada um de nós dizer como deve ser sua cidade. Mais acessível, mais inclusiva, menos preconceituosa. Cabe reclamar, pedir, explicar, discordar e incentivar. Mesmo não tendo uma deficiência, todos irão ganhar quando nosso país poder acolher cada um de seus cidadãos, de maneira digna e igualitária.
Acho que estamos caminhando. Mas quero passos mais firmes e rápido. Quero ter mais gente pedindo, não só por mim, mas comigo. Seja na padaria da esquina ou em repartiçõs públicas. A lei existe e está aí para ser cumprida. Mais que isso, há princípios resguardando a necessidade de tornar as pessoas seres mais livres e felizes.
Mais do que um dia de luta, quero que seja um dia de comemorar tudo o que já foi feito, e a força de tudo que ainda está por vir. Não será fácil, a gente já sabe. Facilidade nunca foi a nossa praia, mesmo. Mas, como sempre, a gente consegue.

Nenhum comentário:

Postar um comentário